Inscrição Enem 2014: não deixem para a última hora!

Inscrição Enem 2014: não deixem para a última hora!

O ministro da Educação, Paulo Paim, concedeu entrevista ao programa Hora da Educação, da Assessoria de Comunicação Social do MEC (Ministério da Educação), e tratou de assuntos importantes a cerca da edição deste ano do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). Entre eles, foram citados os fatores de segurança, acessibilidade e importância de se inscrever o quanto mais rápido possível.

período de inscrições do Enem 2014, aberto na última segunda-feira (12), terá fim no próximo dia 23 (sexta-feira). A expectativa do MEC é de que o recorde de inscritos seja novamente quebrado, chegando próximo aos 8,2 milhões. O crescimento em relação aos 7,2 milhões registrados no ano passado, atual recorde, é de 13,8%.

A principal recomendação do ministro da Educação é de que os estudantes interessados em fazer as provas do Enem 2014, nos dias 08 e 09 de novembro, não deixem para se inscrever de última hora. Isso porque é inevitável que o sistema congestione e fique lento com um elevado fluxo de visitas em um mesmo intervalo de tempo. De acordo com o ministro, “fazer a inscrição no último momento causa um transtorno muito grande no ponto de vista da tecnologia da informação pro ministério. É importante que o estudante faça a inscrição ao longo desses dias para que a gente possa dar conforto a esse estudante”.

Site Oficial do Enem 2014

As inscrições do Enem 2014 devem ser feitas no site http://sistemasenem2.inep.gov.br/inscricaoEnem/. No primeiro acesso, é preciso clicar em “Inscrição – faça já a sua”, disponível em azul no lado direito central da tela. Para se registrar é necessário, primeiramente, informar o número do CPF e a data de nascimento. Logo após serão requeridas demais informações pessoais, de prova, do ensino médio e preenchimento do questionário socioeconômico. A taxa de inscrição foi mantida em R$ 35,00 e deverá ser paga até o dia 28/05. Concluintes do ensino médio em escolas públicas são automaticamente isentos do valor. Estudantes de baixa renda também podem pedir isenção, preenchendo a declaração de carência durante a inscrição.

Segundo informação de Paim, cerca de 18 mil detectores de metais serão utilizados e qualquer tentativa de fraudar o Exame será tratada com mais rigor. De acordo com o ministro, neste ano, “o sistema fornecerá um vídeo gravado e o candidato vai poder receber toda leitura do edital a partir desse vídeo, o mesmo acontecerá aos estudantes cegos, que terão acesso ao edital em formato de leitura compatível com o sistema Dosvox”.

Outra novidade é que a Universidade de Coimbra, de Portugal, assim como a Universidade de Salamanca, na Espanha, reconhecerão o Exame brasileiro em seus processos de seleção. As notas do Enem 2014 poderão ser utilizadas nos processos seletivos do ProUni, Sisu, Fies, Sisutec e Ciência sem Fronteiras.

Não perca tempo! Adquira logo sua apostila digital do Enem 2014 (clique para ter a sua) e se prepare com o melhor material de estudos para as provas!

Share

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.